Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Blog da Dy

Sou uma apaixonada pela vida, pela escrita, pela comunicação, pela educação!! Apaixonada por tudo o que me faz sentir viva e feliz! Apaixonada por ti! Neste blogue quero partilhar experiências, desejos, vontades...

Sou uma apaixonada pela vida, pela escrita, pela comunicação, pela educação!! Apaixonada por tudo o que me faz sentir viva e feliz! Apaixonada por ti! Neste blogue quero partilhar experiências, desejos, vontades...

Blog da Dy

19
Jul17

Adoçar a alma sem açúcar....

Dy

Em dias cinzentos, como o de hoje (pelo menos na capital), apetece-me sempre algo doce. Remete-me à ideia das férias em casa dos avós, do calor do bolinhos ao lanche, do pão quente de manhã, que saudades....

Para fazer face ao desejo trago hoje uma receita de muffins de cenoura retirado de um blog que adoro- mamã paleo. É verdade mais uma receita da dieta paleolítica que opta pelos alimentos o mais natural possível, como já disse antes, não sigo religiosamente esta prática e defendo que no equilíbrio se encontra a virtude, mas se podemos comer doces e retirar açúcares artificiais e calorias extra porque não? :)

Ingredientes:

60 grs de cenoura crua (também podem usar cozida MUITO bem escorrida) em rodelas
3 ovos médios
3 tâmaras ( se a cenoura for muito doce metam apenas 2 tâmaras)
1 colher de chá de óleo de coco 
20grs de farinha de amêndoa
20grs de coco ralado
1/2 colher de chá de fermento para bolos sem glúten
Canela a gosto

opcional: juntar nozes e/ou amêndoas moídas

Cobertura de chocolate:
1 colher de sopa de leite de coco
3 quadrados de chocolate 92% cacau 
1 colher de chá de óleo de coco 

Preparação:

Colocar todos os ingredientes numa liquidificadora e bater até obter uma mistura homogénea (podem utilizar a varinha mágica). Juntar os frutos secos picados e envolver bem.

Untar as formas de silicone (se necessário), verter a massa e levar a forno pré-aquecido a 180º cerca de 15min ( tempo pode variar de acordo com o tipo de material das formas e tamanho dado aos muffins)

fonte:https://mamapaleo.blogspot.pt/2017/07/muffins-de-cenoura.html

06
Jun17

Receita Paleo

Dy

Sou uma curiosa do mundo da nutrição e confesso que , cada vez me estou a apaixonar mais por um estilo de vida saudável.

Não sou fundamentalista e não tenho alimentos proibidos por acreditar que a virtude se encontra no equilíbrio e que para estarmos bem devemos comer tudo, mas na dose certa.

Ando a investigar acerca da dieta paleolítica e tenho retirado algumas ideias. Considero a filosofia bastante interessante, uma vez que, remonta às nossas origens e como tal defende que os alimentos sejam o mais próximo, possível do seu estado natural.

Os membros desta dieta "fogem" de alimentos processados e enlatados, dando preferência aos frutos secos, gorduras saudáveis, peixes, ovos e carnes. Encontrei um doce, no running kitchen adaptado a esta ideia paleoque me vai ajudar a controlar os meus desejos por chocolate e partilho convosco :)

Paleo chocolate chip cookies

Ingredientes:
  • 1 chávena de farinha de amêndoa  
  • 1colher de chá de sal
  • 1 colher de chá de fermento
  • 3 colheres de chá de  óleo de coco ou azeite 
  • 2 colheres de mel ou ágave
  • 1 colher de chá de estrato de baunilha
  • 1 colher de chá de bebida de amêndoa
  • 1/4 chávena de pedaços de chocolate negro. 

Preparação:

 
  1. Pré aquecer o forno a 200º e forrar um tabuleiro com papel vegetal,
  2. misturar os ingredientes secos(farinha de amêndoa,fermento, sal e pedaços de chocolate)  numa tigela
  3. Juntar os ingredientes húmidos (mel, bebida vegetal, óleo de coco, extrato de baunilha)
  4. Juntar todos os ingredientes e mexer 
  5. No tabuleiro de ir ao forno formar bolas e pressionar o meio para dar forma, (opcional: levar ao congelador por 10 minutos antes de levar ao forno  ajuda a moldar os biscoitos e a tornar a textura mais uniforme)
  6. Leve ao forno por 10-15 minutos até que começem a dourar. Retire do forno e deixe arrefecer antes de retirar do tabuleiro para que não se desfaçam.
  7. Comam com moderação :)

18
Abr17

Papas de aveia no forno

Dy

Adoro começar o dia com papas de aveia fico saciada por mais tempo e ajuda muito no funcionamento do organismo,mas confesso que quando o tempo começa a aquecer a vontade de comer papas quentes diminui e ando sempre à procura de alternativas. Já utilizei aveia adormecida que consiste em deixar as papas de um dia para o outro no frigorífico,já fiz pão de aveia,bolo de aveia,etc etc e agora encontrei uma nova sugestão super saudável. Aveia no forno :) testem que não se arrependem :) receita disponível emhttp://nutrimento.pt/receitas/papas-de-aveia-no-forno-com-maca-novas-receitas-pnpas/

08
Abr17

Tarde de maçã paleo!

Dy

Hoje testei uma receita que já andava para experimentar há umas semanas. Tarte de maçã paleo. O sabor ficou ótimo e sem açúcar nem farinha, sem glúten nem lactose. A base é feita com amêndoa e tâmaras e o recheio com maçã e canela(optei pela maçã reineta e ficou top)

 

Ingredientes:

 

Base 

250gr de amêndoa moída ou laminada,

1 ovo

1 colher de sopa de azeite

5 tâmaras

 

Recheio

2 maçãs 

casca de limão

 

Cobertura

maçã laminada e canela

 

Modo de preparação:

Bater na bimby ou liquidificadora as amêndoas, o ovo, as tâmaras e o azeite até formar uma pasta compacta,

cozer as maçãs com a casca de limão. Quando estiverem cozidas triturar formando um puré (antes de triturar tiramos a água para que o creme fique mais consistente)

Forramos a tarteira (eu usei uma forma de silicone retangular e serviu na perfeição) com a massa de amêndoa, cobrimos com o puré de maçã e por cima colocamos a maçã laminada e a canela (opcional) levamos ao formo por 40 minutos a 180º e está pronta:)

É tão bom comer sem culpa mantendo todo o sabor!

25
Mar17

"pão de banana" dieta do paleolítico..

Dy

Estou a tentar adaptar as receitas desta dieta à minha vida quotidiana.Para mim o mais difícil de abdicar é o pão, mesmo com as alternativas, não consigo perder este vício e recuso-me a tirar da minha alimentação, opto por ingeri-lo apenas de manhã.

Como alternativa aos bolos, prefiro chamar assim encontrei esta receita de pão de banana, ou na minha ótica bolo de banana paleo para comer sem culpa :)

 

Ingredientes

  • 4 colheres de sopa ‏azeite ou óleo de coco derretido
  • 6 ‏ovos
  • 2 colheres de chá ‏extracto de baunilha
  • 3 ‏bananas
  • 40g ‏coco ralado
  • 3 colheres de sopa ‏coco ralado para polvilhar o topo da massa
  • ‏pitada de sal
  • 4 ‏nozes (opcional)

Instruções

  1. Pré-aquecer o forno a 180 graus.
  2. Numa tigela grande misturar o sal, os ovos e a baunilha. A isto junta-se o azeite (ou óleo de coco) e envolve-se. Juntar o coco e as bananas migadas. Misturar bem para não deixar grumos. Nesta altura (se quiserem), triturem as nozes em pedaços grandes e espalhem pela massa só pela piada 
  3. Deitar a mistura numa forma de pão inglês. O fundo da minha tem cerca 20 por 6cm, não convém ser maior que isto senão o pão vai ficar muito baixinho!
  4. Polvilhar com coco ralado e levar ao forno cerca de 60 minutos, tendo em atenção que se o topo estiver a queimar muito rápido convêm tapar a forma com papel de alumínio.
  5. Quando arrefecer retirar da forma e colocar sobre uma grelha (que permita ventilar por baixo) a arrefecer. Conservar no frigorífico para manter a textura.

 

Pão de banana

versão original em : http://receitaspaleo.pt/receita/pao-de-banana/

 

24
Mar17

De volta às origens...

Dy

Sou uma apaixonada por História.Gosto de saber como tudo começou e acredito mesmo que, muitas coisas que estamos a enfrentar agora já foram vividas pelos nossos antepassados. Gosto de perceber como o Homem deu os primeiros passos, como começou a comunicar, como foi estabelecendo relações sociais e convivendo.

Acredito que a gastronomia é a chave da socialização, isto é, o momento da partilha da refeição, almoço, jantar ou um simples lanche, ajuda-nos a ter consciência do outro, a conviver, a contactar.A gastronomia conta a história de um povo.

Desde o paleolítico que o Homem  convive, foi na Idade da pedra que foram emitidas as primeiras palavras com a consciência que fazia sentido comunicar. Desde este período o Homem tem crescido em vários campos.Mas o principal motivo para estar a escrever sobre o passado é exatamente o presente, ou seja, a nova=velha alimentação que tem vindo a ganhar peso "A dieta do paleolítico" ainda não investiguei muito sobre o tema, contudo tive acesso a um plano alimentar de quatro semanas, num site que se dirige a esta temática.

No mesmo podemos ainda encontrar variadíssimas receitas. A ideia é comer de forma semelhante aos nossos ante passados, os alimentos no seu estado mais puro, como os cereais e frutos. A carne e peixe são permitidos sem restrições, e até mesmo os enchidos, o que não podemos comer são mesmo alimentos com glúten e devemos evitar a lactose.Para fugir a estas restrições são dadas alternativas como o pão de banana, ou a tarde de maçã. A ementa é muito apetecível e com a vantagem, o almoço é igual ao jantar para facilitar a vida de quem leva marmita para o trabalho. Vou aproveitar o fim-de-semana e pôr umas receitas em prática :)

 

Para terem acesso ao plano+ receitas acessem o site:http://receitaspaleo.pt/plano-alimentar-30-dias/

Bom fim da semana :) (sexta já com pé no sábado) 

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D